Google Cloud firma acordo com o Departamento de Defesa dos Estados Unidos

 Google Cloud firma acordo com o Departamento de Defesa dos Estados Unidos

Contrato de sete dígitos cobre uso do Cloud Anthos para gerenciar ambiente multicloud.

Google Cloud e o Departamento de Defesa dos Estados Unidos firmaram novo acordo nesta semana. O contrato que alcança, os sete dígitos, segundo informações do site Axios, é com a Unidade de Inovação em Defesa (DIU),

A implicação da conquista, no entanto, pode ser interna. Desde 2018, quando optou por não renovar seu contrato no campo da defesa com o chamado Project Maven, após pressão dos funcionários, o Google manteve a postura. Ainda em 2018, optou por não participar da disputa pelo contrato do Departamento de Defesa de US$ 10 bilhões, o JEDI (Joint Enterprise Defense Infrastructure), uma disputa que ficou entre a Microsoft e Amazon. Na época, o Google alegava que o contrato poderia conflitar com seus “princípios de IA”.

Polêmicas à parte, o novo contrato envolve o uso do Google Cloud Anthos para proteger o ambiente de múltiplas nuvens da unidade de inovação do departamento, a Defense Innovation Unit (DIU). O Departamento de Defesa sempre utilizou soluções de nuvem de diferentes parceiros. A solução do Google deve ajudar a gerenciar justamente esse ambiente diverso.

“Multi-cloud é o futuro. A maioria das empresas comerciais administra ambientes com várias nuvens de maneira segura e sem problemas, e agora isso também está chegando ao governo federal”, disse Mike Daniels, vice-presidente do setor público global do Google Cloud ao site TechCrunch.

Por Redação

ComputerWorld

Editor MDR

Você pode gostar também...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *