Confiança do empresário industrial sobe e vai a 41,2 pontos em junho, aponta CNI

 Confiança do empresário industrial sobe e vai a 41,2 pontos em junho, aponta CNI

A melhora do índice pode ser explicada pelo avanço nas expectativas de empresários para as medidas a serem implementadas na economia os próximos seis meses

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) verificou que o Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI), que havia caído drasticamente diante do início dos problemas com a pandemia de covid-19 no Brasil, melhorou no início de junho deste ano.

De acordo com essa entidade, o ICEI começou a se distanciar dos seus piores momentos, registrado em maio deste ano e no auge de outra crise econômica no Brasil, entre 2015 e 2016. Neste mês, o indicador passou de 34,7 pontos para 41,2 pontos, em uma escala de zero a cem.

Apoiador:

Nessa metodologia, os 50 pontos marcam uma linha divisória entre confiança e também em falta dela. A melhora do índice pode ser explicada pelo avanço nas expectativas de empresários para as medidas a serem implementadas na economia os próximos seis meses, o que registrou uma alta de 8,4 pontos e subiu para 47,8 pontos.

Mas a avaliação em relação ao momento atual ainda é muito ruim. O Índice de Condições Atuais cresceu 2,7 pontos e alcançou 27,7 pontos entre maio e junho deste ano.

“O crescimento do ICEI, ainda que positivo, reflete uma reavaliação do pessimismo que tomou conta do empresariado no início da crise, momento de elevada incerteza. No entanto, a confiança continua baixa, refletindo tanto a severidade da crise como a incerteza que ainda persiste e a pouca eficácia das medidas do governo para prover capital de giro às empresas. A dificuldade de acesso a crédito é uma preocupação adicional e um fator que contribui para a falta de confiança”, afirmou o gerente-executivo de Economia da CNI, Renato da Fonseca, em nota.

Por Valor Econômico

Via Instituto Aço Brasil

Editor MDR

Você pode gostar também...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *