9 estratégias para trabalhadores remotos manterem a saúde mental e o bem-estar

 9 estratégias para trabalhadores remotos manterem a saúde mental e o bem-estar

Consultoria sugere pequenas ações que podem facilitar a gestão do dia durante o isolamento provocado pela pandemia.

A migração para o trabalho remoto pegou muitas empresas e funcionários de surpresa. Junto com a confirmação da pandemia e as medidas de isolamento, milhões de pessoas migraram seus escritórios para casa para manter suas ocupações de forma remota, em um ambiente, geralmente, sem estrutura adequada e compartilhada com outros membros da família. Além disso, a própria dinâmica do trabalho remoto era novidade para muitas pessoas, que precisaram se adaptar não só ao enclausuramento da quarentena, como em todo um modelo de trabalho remoto, novas ferramentas colaborativas e dinâmicas de grupo diferenciadas.

Essa adaptação deixou os colaborados vulneráveis a quadros mentais como ansiedade, depressão e estresse. Toda adaptação a esse “novo normal”, somado ao temor do vírus e as incertezas causadas por ele aumentam os agentes estressores. Para manter a produtividade e, sobretudo, a saúde mental, se tornou mais importante do que nunca encontrar novas maneiras de trabalhar e interagir com os colegas, mas ao mesmo tempo priorizando a saúde mental e o bem-estar.

A Robert Walters, consultoria global de recrutamento, sugere aos trabalhadores remotos 9 estratégias para a manutenção da saúde mental durante o trabalho remoto.

1. Crie o seu home office

Sente falta da estrutura que o escritório fornece? Criar um espaço de trabalho organizado, seja em uma sala dedicada ou em um outro cômodo da casa, pode ajudar você a separar o trabalho da sua vida pessoal e manter uma mentalidade produtiva e motivada.

“Embora seja tentador trabalhar no conforto do sofá, um espaço de trabalho designado significa menos distrações, além de um certo grau de separação entre seu trabalho e sua vida pessoal. É importante que você pare de trabalhar no final do dia sem se sentir obrigado a ficar on-line após o seu horário. Tente associar o trabalho apenas à sua ‘zona de trabalho’ designada”, diz Leonardo de Souza, Country Manager da Robert Walters Brasil.

Apoiador:

2. Mantenha um senso de rotina

Para ajudar a manter uma sensação de “normalidade” durante esse período, tente espelhar sua rotina normal de trabalho o máximo possível. Desde definir o seu alarme, vestir-se para o trabalho e chegar à sua mesa. Manter seus rituais de trabalho todos os dias o ajudará a estruturar seu dia com mais eficiência.

O trabalho remoto oferece mais flexibilidade durante a jornada de trabalho, mas pode nos tornar propensos ao esgotamento emocional, se não dermos tempo ao cérebro para descansar à medida que a tarde se estende à noite. Pode ser tentador trabalhar mais em casa para progredir no trabalho, no entanto, também pode ser prejudicial à sua saúde e bem-estar; portanto, siga um cronograma com limites saudáveis e horários razoáveis.

Gerenciar seu bem-estar mental é tão importante após o trabalho quanto durante o horário de trabalho. Portanto, depois de fazer o logoff, desconecte-se totalmente, definindo os e-mails de trabalho como ‘não perturbe’ e usando esse tempo para conversar com amigos e familiares, fazer alguma atividade física ou qualquer outra coisa que o relaxe.

3. Comunique-se de forma criativa

Para algumas pessoas que prosperam com a interação social do escritório, trabalhar em casa pode ter desvantagens inesperadas. É fácil sentir-se sozinho ou isolado quando você é privado das conversas cara a cara com sua equipe, mas existem ferramentas de comunicação que você pode aproveitar para manter essas conexões, de bate-papos em grupo, videoconferências e sociais de equipes virtuais. Embora a maioria das conversas seja sobre trabalho, use esse tempo para conversar com seus colegas que provavelmente estão passando pelas mesmas emoções durante esse período.

“A comunicação é fundamental, mas não deve sufocar você. Se você estiver em uma casa compartilhada com filhos, cônjuge ou colegas de apartamento, haverá momentos em que você desejará alguma privacidade. Quando você precisar de tempo sozinho para pensar ou recarregar as baterias, tente ajustar algum tempo pessoal à sua programação”, sugere Souza.

4. Limite a forma com que você assiste aos noticiários

Ser exposto a grandes volumes de informações negativas pode aumentar os sentimentos de ansiedade. Não passe tanto tempo assistindo, lendo ou ouvindo notícias sobre a Covid-19 que fazem com que você se sinta ansioso ou angustiado.

O fluxo quase constante de notícias sobre um surto pode fazer com que você se sinta preocupado. Portanto, quando você procurar informações, faça isso em horários determinados durante o dia e concentre-se em obter os fatos de fontes confiáveis, como a OMS e as plataformas das autoridades locais; não rumores e desinformações que podem se espalhar pelas mídias sociais.

5. Mantenha sua saúde física

Sua saúde mental e física estão intimamente ligadas, por isso é importante dar a mesma atenção merecida. Pode ser fácil ficar debruçado sobre o laptop o dia todo, mas programe em intervalos regulares para se levantar e se movimentar, seja uma caminhada, alongamento, o que for melhor para você reduzir ou aliviar o estresse e liberar endorfinas. Há muitos canais on-line oferecendo transmissões gratuitas ou exercícios baseados em aplicativos, então verifique as programações on-line para ver o que está disponível e escolha o que faz mais o seu estilo.

Não é segredo que o sono desempenha um papel importante na boa saúde física e mental. A privação do sono pode deixar a gente irritado e exausto a curto prazo, mas também pode ter sérias consequências para a saúde a longo prazo. A falta de sono está ligada a várias consequências desfavoráveis à saúde, incluindo doenças cardíacas, diabetes tipo 2 e depressão, para manter padrões de sono saudáveis enquanto trabalha remotamente tente estipular a ‘hora de dormir’ em sua rotina.

6. Faça intervalos constantes durante o dia

Como em qualquer ambiente de trabalho, fazer pausas é extremamente importante para relaxar o cérebro e o corpo. Faça uma caminhada de 15 minutos, tire um intervalo para o almoço ou converse com um ente querido ao telefone – faça o que fizer, não deixe de fazer uma pausa das telas, das reuniões e do trabalho. É amplamente reconhecido que os intervalos podem realmente melhorar significativamente os níveis de produtividade e a capacidade de foco de uma pessoa.

7. Interaja com as ferramentas de suporte do seu empregador

Este é um momento desafiador para todos nós – e, estando ou não no trabalho, muitos empregadores fornecem apoio de diversas formas. Muitas empresas oferecem programas de assistência ao funcionário e uma gama de benefícios mais amplos para apoiar o bem-estar físico e mental. As necessidades de saúde mental das pessoas podem diferir bastante; portanto, é preciso estar ciente do que é oferecido e aproveitar as ferramentas de suporte quando você precisar.

8. Descubra compromisso e oportunidade

Apesar de fazer o possível para proteger nosso bem-estar mental, é importante aceitar que todos nós provavelmente sofreremos um certo grau de angústia e ansiedade a curto e médio prazo. Embora seja um momento desafiador, pode ser um momento para pensar de maneira diferente como navegamos em nossa vida profissional e pessoal, por exemplo, fazendo exercícios por vídeos em vez de assistir a aula fitness presencial, observando a prática da atenção plena usando aplicativos como Headspace e Calm ou encontrando maneiras de ajudar outras pessoas em sua comunidade. Enquanto uma revisão da vida profissional gera indubitavelmente incerteza, também abre espaço para compromissos e oportunidades.

9. Peça ajuda

Se você estiver vivenciando sentimentos de ansiedade, mau humor ou qualquer outra coisa fora do comum para você como indivíduo, é importante procurar ajuda com um colega de confiança, amigo, membro da família ou organização de apoio.

Por Redação

Via CIO

Editor MDR

Você pode gostar também...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *