6 etapas para se tornar um chefe de TI horrível

 6 etapas para se tornar um chefe de TI horrível

Reunimos aqui as atitudes abusivas e questionáveis que você, enquanto novo líder de TI, deve passar bem longe

Um CIO pode promover seu melhor desenvolvedor a uma função de gerência e isso não garantirá o sucesso na próxima etapa de sua carreira. Afinal, liderar requer habilidades como boa comunicação, organização, sensibilidade e visão estratégica.

Mas e quais são aquelas habilidades ou comportamentos que você deve passar longe e que poucos falam? Se você é novo no gerenciamento de TI, aqui está um guia infalível para você – definitivamente – não seguir adiante.

Etapa 1: aproveite sua nova autoridade

A vida é muito curta para fazer qualquer outra coisa. Em suas funções anteriores, você tinha que pedir dinheiro, mesmo para despesas com erros de arredondamento, como comprar uma pizza ocasional para sua equipe. Não mais! Como gerente, você tem um orçamento real. Você pode comprar uma pizza ocasional para sua equipe sem precisar pedir permissão a ninguém. Um conselho reverso? Abuse dessa autoridade que você acha que tem controle e você se sairá mal certamente.

Etapa 2: responsabilize todos pelas falhas

Todo mundo sabe que um elemento crítico de uma organização eficaz é que todo mundo sabe pelo que é responsável. Se é importante, o nome de alguém está nele. Obviamente, isso significa que, se algo importante der errado, a pessoa cujo nome está nele falhará.

Apoiador:

Você certamente não quer uma organização de falhas. Você precisa de pessoas que tenham sucesso. Se alguém da sua organização falhar, exponha ele ou ela ao erro e você, definitivamente, terá uma má reputação entre a sua equipe.

Etapa 3: releia regularmente o artigo que diz que os gerentes de TI devem ser pessoas de negócios, não pessoas técnicas

Existe realmente apenas um artigo. Ele vem aparecendo nas publicações de TI repetidas vezes nos últimos 25 anos, com texto ligeiramente diferente e um autor listado diferente. Mas as diferenças são triviais. Você precisa ler apenas um deles – na verdade, apenas o título – para absorver a mensagem.

Porque é importante: assim como os diretores financeiros e suas equipes de gerenciamento devem ser pessoas de negócios, não pessoas de finanças; assim como os diretores de marketing e suas equipes de gerenciamento devem ser pessoas de negócios, não pessoas de marketing; assim como os diretores operacionais devem ser uma pessoa de negócios, não um especialista em como executar operações diárias, você também deve ser uma pessoa de negócios, não uma pessoa de tecnologia.

Depois de atravessar essa grande divisão, você não precisará mais se preocupar em definir uma direção técnica para suas equipes, porque você será uma pessoa de negócios, não uma pessoa técnica.

Claro, isso não é totalmente justo. Você definirá a direção técnica, com base em eventos realizados para gerentes de TI em ambientes luxuosos, nos quais seus hosts fornecerão o nível de detalhe técnico – e conformidade total com a Buzzword apropriada para os gerentes-de-TI-que-são-pessoas-de-negócios.

Você também nunca terá que suportar uma discussão detalhada sobre o que as coisas realmente custam e quanto tempo elas levarão, dado o que dá certo e errado com a tecnologia do mundo real, sem mencionar o que fazer quando isso acontecer. Afinal, essas complexidades são conceitos que os técnicos, e não os empresários, precisam entender.

Em resumo, fique atento somente às promessas de que líderes de TI são líderes de negócio e negligencie a infraestrutura e, bem, você falhará.

Etapa 4: isole-se

Memorize esta frase e use-a frequentemente em conversas com seus ex-colegas: “Não estou aqui para fazer amigos”. Mas a vida fica solitária quando você não tem amigos. Então faça novos. Escolha com cuidado, no entanto. Aplique o mesmo nível de due diligence que você usaria na seleção de uma tecnologia de missão crítica. Siga este conselho, e você poderá se ver refém de amizades que veem em você o mesmo interesse que você vê nelas. Fale sobre solidão, certo?

Etapa 5: seja decisivo

Cansado de paralisia na análise? Animado com títulos de livros como Fail Fast e Blink! que exalta as virtudes da ação sobre os cansativos detalhes de extensa pesquisa e pensamento cuidadoso?

Na próxima vez que uma decisão importante surgir, apenas tome-a e, depois de tomar, não permita que aqueles que se reportam a você adivinhem a direção que você definiu. Sim, faça isso e você será um chefe de TI horrível.

Etapa 6: assuma os créditos (que não são seus) e você falhará

Líderes são pessoas que outras pessoas seguem, por isso não deixe de liderar pela frente. Se, por exemplo, sua equipe fizer algo incrível que seria de interesse para a equipe de liderança executiva, certifique-se de que eles criem a versão do PowerPoint e informem detalhadamente o conteúdo, para que você esteja totalmente preparado para apresentar a conquista.

Afinal, você é quem construiu uma equipe capaz de realizar o que quer que seja, e quem seria responsável se a equipe não tivesse feito o trabalho?

Em conclusão

Aqui está a melhor parte. Gerencie suas tropas dessa maneira e você pode ter certeza de que pelo menos alguns dos mais bem pagos vão decidir buscar outras oportunidades. O que significa que você terminará o ano abaixo do orçamento.

Por Redação

Via CIO

Editor MDR

Você pode gostar também...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *